Região Sul

Sul
Área – 577.214,0 km² (6,75% do território nacional).
Estados – Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.


CARACTERÍSTICAS
A menor região em superfície. O clima subtropical, exceto no norte do Paraná (tropical), caracteriza-se pela diversidade de temperaturas – mais baixas e com nevascas, nos planaltos, e elevadas, nos Pampas. A vegetação acompanha essa variação, com matas de araucárias (pinhais) nos planaltos, e os campos nos pampas. Os rios de menor porte correm para o mar: são eles o Jacuí (RS), o Itajaí e o Tubarão (SC). Os demais (Iguaçu , Ivaí) desaguam na bacia do Prata . A região possui grande potencial hidrelétrico graças ao volume do débito de águas do rio Paraná (Itaipu). O relevo é dividido em três partes.

Planície Platina ou Pampa – Terrenos sedimentares e ondulados (coxilhas), no interior, e lagoas de restingas, no litoral.

Planalto Atlântico – Terrenos cristalinos próximos ao litoral, que se estendem do Paraná ao norte do Rio Grande do Sul.

Planalto Meridional – De formação vulcânica com rochas basálticas, situa-se no interior. Subdivide-se em Depressão Periférica (estreita faixa de arenitos a oeste do planalto Atlântico) e planalto Arenito-Basáltico, que se estende até o rio Paraná, formando degraus cujas bordas são as chamadas cuestas.

POPULAÇÃO
Possui 22.653.700 habitantes, equivalentes a 14,95% da população do país. A densidade demográfica é de 39,24 hab./km², com maioria urbana (74,1%). Influências da imigração açoriana, alemã e italiana.

ECONOMIA
A base inicial da agropecuária capitaliza recursos e permite a implantação, nas últimas décadas, de um ativo parque industrial com centros nas áreas metropolitanas de Porto Alegre (RS) e Curitiba (PR). A agricultura comercial caracteriza-se pelo uso de boa técnica aplicada às principais culturas: trigo, soja, arroz, milho, feijão e tabaco. A pecuária se destaca nos Pampas, com rebanhos de linhagens européias (hereford, charolês). A suinocultura é praticada no oeste de Santa Catarina e do Paraná, em associação com o cultivo de milho para ração. O extrativismo explora a madeira de pinho, no Paraná, e o carvão mineral, no sul de Santa Catarina. Destaca-se, ainda, o oeste catarinense, com grande concentração de frigoríficos.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

MEC vai oferecer 80 mil vagas de residência pedagógica em 2018

Tiros em escola de Goiânia provoca pânico no Colégio Goyases

Parabéns professores!