STF determina fim da greve de professores do Mato Grosso

O Supremo Tribunal Federal (STF) determinou que os servidores da rede estadual de ensino de Mato Grosso voltem ao trabalho nesta segunda-feira (1º). A decisão é uma resposta ao pedido da Procuradoria Geral do estado para o encerramento da greve.


Na decisão, o presidente do Supremo, ministro Ricardo Lewandowiski, entendeu que a greve pode prejudicar cerca de 400 mil alunos da rede pública do Mato Grosso.

Os professores e funcionários da Educação estão em greve desde maio. Lewandowiski também determinou que o Tribunal de Justiça do estado imponha aos grevistas a continuação da prestação do serviço público.

Uma assembleia está marcada para a tarde de hoje. Os profissionais reivindicam, entre outros pontos, a suspensão de parcerias público-privadas, com convocação de conferências participativas para debater o projeto.


Fonte: EBC

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Pesquisa mostra queda no interesse por cursos de licenciatura

Violência nas escolas não é caso de polícia, afirmam especialistas