Nova Anã Marrom é descoberta

Imagem
Nova anã marrom é encontrada pela NASA através de um projeto de astronomia amadora.
A Nasa mantém vários projetos e um deles é formalmente conhecido como WISEA J110125.95 + 540.052,8. O nome é estranho, parece mais uma senha boa para redes sociais, mas trata-se de um projeto onde voluntários ajudam na descoberta de novos corpos celestes.
Rosa Castro terapeuta durante o dia e astrônoma amador, se juntou ao projeto de ciência cidadã Backyard Worlds: Planet 9, financiado pela NASA (esse do nome estranho). Em sua casa, de noite, terminou seu jantar, abriu seu laptop, e descobriu um novo objeto que não era nem planeta nem estrela.  Ela iria se tornar um dos quatro voluntários para ajudar a identificar primeira anã marrom do projeto mantido pela Nasa.
Tem cerca de duas décadas desde que os pesquisadores descobriram as primeiras anãs marrons, e que a comunidade científica abriu os olhos para esta nova classe de objetos entre estrelas e planetas.
Embora sejam tão comum como estrelas e forma …

Dia Mundial da Água e o banho de 10 minutos

Foto: Pixabay

Hoje dia 22 de março é comemorado o dia mundial da água, mas será que há motivos para comemorar?

Um dia importante para refletir sobre os usos da água por todo o planeta que neste momento passa por uma situação de degradação em vários partes do mundo.

Cuidar da água é uma ação possível de ser realizada por cada um de nós. Não falo somente da economia no uso doméstico da água aliás, sabe-se que o maior consumo não está no uso doméstico e sim no agrícola, no caso brasileiro, o uso doméstico é ainda inferior ao uso industrial/comercial. 

O que podemos fazer para ajudar na proteção das águas do planeta não é diminuir o tempo do banho ou escovar os dentes com a torneira fechada, isso é válido apenas para as campanhas sensacionalistas da grande mídia ou de alguns governos.

Imaginem quantas torneiras o "acidente" (ou crime?) de Mariana foram fechadas e quantos banhos foram interrompidos? E qual o papel da sociedade neste caso?

Se por um acaso lhe fosse dado o "pode da caneta" para você leitor o que já teria acontecido com as empresas envolvidas nesse desastre ambiental? É disso que estou falando! Mariana é um exemplo no universo de outros milhares que poderiam ser dados aqui. 

O que não gostaria de ver nesse dia 22 de março é a transferência de responsabilidade no uso das águas. Esquecer das grandes empresas que transformam água em capital tendo  como subproduto a degradação ambiental e transferir a responsabilidade do problema para o sujeito que, talvez, tenha tomado um banho de 10 minutos.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Corrente exagera ao comparar remunerações de professores e políticos

Nota da CNTE contra a BNCC

O desenvolvimento do Sahel