Nova Anã Marrom é descoberta

Imagem
Nova anã marrom é encontrada pela NASA através de um projeto de astronomia amadora.
A Nasa mantém vários projetos e um deles é formalmente conhecido como WISEA J110125.95 + 540.052,8. O nome é estranho, parece mais uma senha boa para redes sociais, mas trata-se de um projeto onde voluntários ajudam na descoberta de novos corpos celestes.
Rosa Castro terapeuta durante o dia e astrônoma amador, se juntou ao projeto de ciência cidadã Backyard Worlds: Planet 9, financiado pela NASA (esse do nome estranho). Em sua casa, de noite, terminou seu jantar, abriu seu laptop, e descobriu um novo objeto que não era nem planeta nem estrela.  Ela iria se tornar um dos quatro voluntários para ajudar a identificar primeira anã marrom do projeto mantido pela Nasa.
Tem cerca de duas décadas desde que os pesquisadores descobriram as primeiras anãs marrons, e que a comunidade científica abriu os olhos para esta nova classe de objetos entre estrelas e planetas.
Embora sejam tão comum como estrelas e forma …

O PLANO DE ENSINO E A CONSTRUÇÃO DE CONCEITOS NA GEOGRAFIA ESCOLAR

O PLANO DE ENSINO E A CONSTRUÇÃO DE CONCEITOS NA GEOGRAFIA ESCOLAR

Santiago Alves de Siqueira

RESUMO


O presente trabalho apresenta uma reflexão sobre a importância pedagógica do plano de ensino para construção de saberes geográficos no ensino fundamental. Nossa perspectiva é ampliar o debate sobre os objetivos e possibilidades da geografia no ensino básico trazendo para a discussão a construção de conceitos como eixo orientador para que a geografia escolar possa cumprir um de seus propósitos: auxiliar os alunos na compreensão do espaço geográfico.

PALAVRAS-CHAVE


Plano de ensino; Construção de conceitos; Geografia escolar

TEXTO COMPLETO:

PDF

REFERÊNCIAS


APPLE, Michael W. Ideologia e currículo. 3ª edição. Porto Alegre: Artmed, 2006. Reimpressão 2008.
CASTELLAR, Sônia; VILHENA, Jeruse. Ensino de Geografia. São Paulo: Cengage Learning, 2010.
CAVALCANTI, Lana de Souza. A geografia escolar e a cidade: Ensaios sobre o ensino de geografia para a vida urbana cotidiana. Campinas, SP: Papirus, 2008.
_______. Geografia, escola e construção de conhecimentos. Campinas, SP: Papirus, 14ª edição, 2010.
_______. O ensino de geografia na escola. Campinas, SP: Papirus, 2012.
CONTRERAS, José. Autonomia do professor. 2ª ed. São Paulo: Cortez, 2012.
COUTO, Marcos Antônio Campos. Pensar por conceitos geográficos. In: CASTELLAR, Sônia (Org.). Educação Geográfica: teorias e práticas docentes. 2. Ed. São Paulo: Contexto, 2006.
FREIRE, Paulo. Pedagogia do oprimido. Rio de Janeiro, 8ª ed. Paz e Terra, 1980.
_______. Paulo. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. São Paulo: Paz e Terra, 1996.
KAERCHER, Nestor André. Se a geografia escolar é um pastel de vento o gato como a geografia crítica. Porto Alegre: Evangraf, 2014.
LIBÂNEO, José Carlos. Didática. São Paulo: Cortez, 1994.
PONTUSCHKA, Nídia Nacib; PAGANELLI, Tomoko Iyda; CACETE, Núria Hanglei. Para ensinar e aprender Geografia. 3. ed. São Paulo: Cortez, 2009.
SANTOS. Milton. Metamorfoses do espaço habitado: Fundamentos teóricos e metodológicos da geografia. 6ª ed. São Paulo: Edusp, 2014.
TONINI, Ivaine Maria. Geografia escolar: uma história sobre seus discursos pedagógicos. Ijuí: Ed. Unijuí, 2003.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Corrente exagera ao comparar remunerações de professores e políticos

Nota da CNTE contra a BNCC

O desenvolvimento do Sahel