Pular para o conteúdo principal

SEJA UM DOADOR

Comissão ouve ministro da Educação sobre fraude no exame de avaliação do ensino superior


 A Comissão de Fiscalização Financeira e Controle da Câmara dos Deputados realiza audiência pública na próxima quarta-feira (4) com a presença do ministro da Educação, Milton Ribeiro, para debater denúncia contra o Centro Universitário Filadélfia (UniFil), de Londrina (PR).

A entidade foi investigada pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) por fraude no Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade), que avalia o ensino superior.

O deputado Leo de Brito (PT-AC), que pediu a vinda do ministro, citou reportagem do jornal Folha de S. Paulo, segundo a qual Milton Ribeiro protelou enviar à Polícia Federal apuração de fraude em entidade ligada a pastores aliados.

"Segundo a notícia, o ministro atuou nos bastidores a favor de um centro universitário denunciado por fraude no Enade 2019. A instituição é presbiteriana, assim como o ministro, que é pastor", disse o deputado.

Leo de Brito disse que, conforme investigação do Inep, houve fortes indícios, sobretudo estatísticos, de fraude após a coordenadora da graduação da UniFil ter tido acesso à prova e às respostas com antecedência. "A fraude teria ocorrido no curso de biomedicina, a partir do vazamento da avaliação do ensino superior", disse o deputado.

Nota do MEC

Em nota, o Ministério da Educação informou que enviou ofício à Polícia Federal após a conclusão das investigações internas e que as denúncias "foram apuradas adequadamente".

Mas, segundo Leo de Brito, o ofício só foi levado à Polícia Federal em fevereiro deste ano, após o MEC ter encerrado a investigação de forma favorável à UniFil. "Evidências estatísticas da fraude, apuradas pelo Inep, foram ignoradas na decisão", completou o deputado.

Hora e local

A audiência com o ministro da Educação será realizada no plenário 11, às 9h30.

Fonte: Agência Câmara de Notícias

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fuso Horário

FUSO HORÁRIO Cada um dos vinte e quatro setores esféricos em que se considerou dividida a superfície terrestre. Cada fuso horário é delimitado por dois semimeridianos que distam entre si 15°. Dentro de cada fuso horário convencionou-se existir a mesma hora (hora legal). Sempre que é necessário o traçado dos fusos é alterado, respeitando as fronteiras dos países, para que exista uma só hora dentro de cada estado. A Terra tem 24 fusos horários. O Meridiano de Greenwich (0°) é o marco inicial. Tendo Greenwich como referência, as localidades a leste apresentam horas adiantadas e as localidades a oeste registram horas atrasadas em relação a ele. Fuso Horário no Brasil O território brasileiro, por se encontrar no hemisfério ocidental, possui o seu horário atrasado em relação ao meridiano de Greenwich. Além disso, em razão de o país possuir uma ampla extensão (leste-Oeste), seu território é dividido administrativamente em quatro fusos horários, cuja demarcação oficia

Mapas mundi para usos múltiplos

Os trabalhos com mapas nas aulas de geografia são bastante importantes e a cartografia é uma linguagem já consolidada no auxílio das explicações geográficas, climatológicas e geológicas realizadas nas mais variadas situações didáticas. Neste post disponibilizo alguns mapa mundi com que o professor de geografia pode utilizar nas mais variadas situações de aprendizagens. O primeiro mapa é o mapa mundi político em preto e branco com possibilidades de usos diversos, como por exemplo, divisão em continentes, países centrais e periféricos, etc. O segundo mapa mundi possui tema específico para se trabalhar as coordenadas geográficas, sendo possível elaborar jogos para melhor compreensão desse contúdo e, por fim, o terceiro mapa mundi trata-se de um mapa mudo onde é possível trabalhar vários temas de acordo com o conteúdo selecionado. Este é um mapa que pode ser aberto em um editor de imagem (como o Paint do Windows) para preencher cada país com a cor que desejar. Caso você te

MUNDO HEMISFÉRIOS PARA COLORIR